Oláá…

Gente o post de hoje eu quero falar sobre uma imagem que postei no meu Instagram alguns dias atrás.

A legenda da foto do Instagram (@fatosdesconhecidos) que postou é a seguinte: “Mais de 400 pessoas foram mortas na Síria nos últimos 5 dias. 150 delas eram crianças. Porque o mundo está em silêncio sobre isso? ”

Na hora que vi, tive fiquei em choque, tanto que escrevi esse post no mesmo dia e só não tinha postado porque fiquei pensando sobre o assunto e sei lá, tentando achar uma forma de fazer alguma coisa.

Nós vivemos envolvidos em tantas coisas que muitas vezes esquecemos ou não damos atenção a coisas importantes. E não falo apenas do que está acontecendo na Síria, mas de coisas que muitas vezes acontece próximo a nós e na correria do dia dia ou simplesmente por não querer se envolver a gente deixa passar. Já escrevi aqui uma vez sobre a empatia, e é exatamente isso que temos que fazer ao saber de situações como essa. Não é apenas ver e lamentar, é ver e fazer algo.

Sei lá, orar, ir ajudar, doar, divulgar… sei que alguma coisa podemos fazer.

Atualmente eu trabalho em uma empresa que faz uma campanha muito forte na parte de voluntariado e logo que entrei comecei a participar das ações e vejo que foi uma das melhores coisas que já fiz. É claro que como qualquer coisa que a gente faz, nem tudo são flores, pois a gente tem que se dispor de todas as formas (física, psicológica, financeira…), mas o aprendizado, o bem que isso faz, não tem preço. Isso é assunto para outro post, mas o que quero focar aqui é que toda ajuda é bem vinda em determinadas situações. Não precisamos arrumar desculpa pra ajudar alguém ou uma causa, sempre tem um jeitinho.

Outra coisa é que quando a gente se dispõe pra fazer algo, faz um bem tão enorme pra nós mesmos que impacta até as pessoas que estão ao nosso redor. Um exemplo perfeito disso é a equipe que faço parte, eu já perdi a conta de quantas vezes nos juntamos pra ajudar pessoas que precisavam e de uma forma completamente voluntária e do jeito que cada um podia, simplesmente pela vontade de querer fazer alguma coisa.

Tem uma organização que gosto muito que é a UNICEF e no site deles tem uma campanha muito bacana sobre doações para a Síria, onde eles falam o que da pra fazer com determinado valor doado.

(https://secure.unicef.org.br/Default.aspx?origem=brasil&referer=https://www.google.com.br/)

Por exemplo, 20 reais por mês garante 41 vacinas para poliomielite que causam paralisia e até morte. Se não quer ajudar por mês, tem a opção de doação única, se não quer ajudar essa instituição em específico, tem outras como o médico sem fronteiras e por aí vai. Não quer ajudar essa causa em específico, tem tantas outras que precisam da nossa atenção. O que não pode acontece é vivermos nossas vidas com todos os recursos e benefícios que Deus nos deu sem ao menos fazer o bem a alguém.

Enfim, a única coisa que eu sei é que o mundo precisa de alguma forma olhar para a Síria e fazer alguma coisa e se os grandes e poderosos não fazem isso, vamos fazer nós pois se cada um tentar de alguma forma fazer alguma coisa, quem sabe algo grandioso não acontece.

😘

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: